Seja você também um doador

Pré-requisitos para a doação:

Ter idade entre 16 e 69 anos desde que a primeira doação tenha sido realizada até os 60 anos (menores de idade precisam de autorização e presença dos pais).

Apresentar um documento oficial com foto (RG, CNH, etc).

Pesar no mínimo 50 kg.

Após o almoço ou ingestão de alimentos gordurosos, aguardar 3h. Não é necessário estar em jejum.

Estar em boas condições de saúde, não apresentando gripe, febre ou algum processo infeccioso ou inflamatório atual.

Todos os candidatos a doação serão submetidos a uma entrevista clínica, onde serão avaliados os critérios de doação, obedecendo o disposto na legislação vigente do Ministerio da Saúde/ ANVISA.

(Portaria 158 de 17 de fevereiro de 2016).

Principais causas de inaptidão para a doação de sangue

Doenças: candidatos com história de doenças hematológicas, cardíacas, renais, pulmonares, hepáticas, autoimunes, diabetes, hipertireoidismo, hanseníase, tuberculose, câncer, sangramentos anormais, convulsões, ou portadores de doenças infecciosas cuja transmissibilidade através de transfusão sanguínea seja conhecida como Doença de Chagas, Hepatite, AIDS, Sífilis.

Doenças infecciosas agudas: Não ter tido gripe ou resfriado nos últimos 7 dias.

Medicamentos: cada medicamento deve ser avaliado individualmente, principalmente pela indicação de seu uso, o que pode excluir o doador, a critério médico.

Imunização: cada vacina deve ser avaliada individualmente.

Intervalo de doação: o intervalo mínimo entre cada doação deverá ser de 90 dias para a mulher e 60 dias para o homem, desde que num período de um ano se façam no máximo quatro doações para o homem e três para a mulher.

Gestação e puerpério: são excluídas as gestantes, as puérperas até 3 meses após o parto e as mulheres que amamentam.

Abortamento: são excluídas as candidatas com história de abortamento há menos de 3 meses.

Tatuagem: aguardar 12 meses.

Piercing: aguardar 12 meses. Exceto região genital e língua, 12 meses após retirada.

Acupuntura: liberados para doação 3 dias após realização se realizados com matériais descartáveis/próprios ou com boas condições de antissepsia.

Profissão: não são aceitos como candidatos à doação pessoas que NÃO tenham repousado após exercerem trabalho noturno, pessoas que exerçam profissões de risco físico e que não possam interromper suas atividades por 12 horas.

Pressão arterial: são excluídos os candidatos com PA máxima acima de 180mmHg ou abaixo de 100mmHg e PA mínima acima de 100mmHg.

História de transfusão: são excluídos os candidatos que receberam sangue, componentes ou derivados nos 12 meses anteriores à doação.

Antecedentes de hepatite: não serão aceitos candidatos que tiveram hepatite após 11 anos de idade. Também serão considerados inaptos aqueles com histórico de terem tido hepatite B ou C.

Malária: são excluídos como doadores os candidatos que nos últimos 12 meses estiveram em área endêmica de malária. São excluídos definitivamente os doadores que tiveram Malária.

Álcool: não ter feito uso de bebida alcoólica nas últimas 12 horas.

Perda de peso: perda acima de 10% do peso nos últimos 3 meses.

Cirurgias: rejeição por 6 meses a 1 ano para grandes cirurgias, 3 meses para pequenas cirurgias e 72 horas para extração dentária ou manipulação dentária.

Procedimento endoscópico: rejeição por 6 meses após realização de qualquer procedimento endoscópico.

Indivíduos expostos a situações que aumentam o risco de contaminação de doenças sexualmente transmissíveis, hepatites ou HIV serão considerados inaptos por 12 meses.

Obs: Outros critérios não especificados serão avaliados na entrevista clínica.

Home Voltar